Serviços

Cyrela investe em proptech que fatura R﹩ 8 milhões com plataforma de serviços imobiliários

A Fix, startup de serviços, quer transformar a manutenção em imóveis alugados e melhorar a satisfação dos clientes de imobiliárias

 

Em três anos de atuação, a Fix mudou o panorama dos serviços de manutenção doméstica. A startup facilitou a solicitação desses serviços e colocou-os à disposição de profissionais que fazem desde a montagem de móveis e marcenaria, até serviços de instalação elétrica e pintura. A inovação tecnológica da empresa auxilia não só a vida de prestadores de serviço e clientes, mas também de inquilinos e proprietários, assim como das imobiliárias.

A Cyrela, incorporadora e construtora de imóveis residenciais, tem investimentos ligados à proptech, que espera movimentar mais de R﹩ 41 milhões para o ano de 2021. A aplicação de capital nesse setor vem junto com o crescimento do número de proptechs no mercado, que nos últimos três anos quase triplicou.

Segundo os dados da Terracotta Ventures, fundo de investimentos focado em startups de construção, venda e aluguel de imóveis, o número de novas empresas do setor subiu de 250 para 700 entre os anos de 2017 a 2020 e hoje o mercado movimenta mais de R﹩ 200 bilhões por ano.

Com um modelo de negócios único, o alto nível de exposição no mercado rendeu ótimos frutos a empresa, que começou com a ideia de ser um “Uber dos serviços”. Hoje, além de atender clientes finais, o foco é ajudar inquilinos e proprietários no processo de realizar serviços em casa, revolucionando o mercado imobiliário. O produto da Fix é pioneiro no setor: agrega valor aos serviços da imobiliária, trazendo tecnologia e eficiência ao seu processo de manutenção e consertos de imóveis, e consequentemente melhorando a satisfação dos seus clientes.
Para isso, a empresa utiliza do modelo ganha-ganha, ou seja, a Fix não cobra pela parceria e cada imobiliária é remunerada por cada serviço que entrega para os prestadores, auxiliando assim no propósito de transformar a vida dos profissionais da construção civil entregando mais serviços a eles. Com mais de 25 mil clientes cadastrados, 21 mil serviços solicitados e um novo modelo de negócio atuante, a startup projeta um faturamento de 8 milhões de reais para 2020 além de 120 imobiliárias parceiras.

“Além da tendência de crescimento do mercado, a Fix ajuda as imobiliárias a reter os seus clientes e contribui para a captação de novos proprietários que antes não deixavam seus imóveis com imobiliárias, pois não tinham este serviço de preservação do patrimônio e manutenções”, afirma Eduardo Basile Quadrado, CEO e fundador da marca.

Sobre a Fix

A Fix é um delivery de serviços que oferece mais de 15 categorias disponíveis, com profissionais certificados e garantia. Pelo app você pede serviços como pintura, montagem de móveis, eletricista, encanador e recebe orçamentos rápidos, escolhendo com base em avaliações de outros clientes.

A startup já atua em São Paulo, Curitiba e Porto Alegre, e tem um segmento exclusivo para o mercado imobiliário, com foco em melhorar a experiência de inquilinos e proprietários ao solicitar um reparo no imóvel alugado.

Crédito: Divulgação
Fonte: MGA Press

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar