Notícias

Swell Construções lança o Le Sense, edifício com apartamentos de alto padrão no Água Verde

A Swell Construções acaba de lançar seu 41º empreendimento em Curitiba: o Le Sense, próximo ao Clube Curitibano. O edifício, localizado num terreno de esquina e com apenas 36 apartamentos de alto padrão, é o 15º projeto da incorporadora no Água Verde. Além disso, tem uma característica exclusiva: é o único no bairro com rooftop na área comum. O espaço ficará na cobertura do prédio e terá uma vista panorâmica para a cidade, de onde os moradores poderão avistar a Serra do Mar.

 

“A pandemia transformou as preferências e necessidades do morador. Hoje, ele quer mais conforto, conveniência, sustentabilidade e integração com a natureza. O Le Sense atende a todos esses requisitos”, comenta o sócio e diretor de incorporações da Swell Construções, Leonardo Pissetti.

 

Mas, as novidades não param por aí. O Le Sense Água Verde também terá porte-cochère (espaço na entrada do prédio para embarque e desembarque dos passageiros com segurança), item bastante difícil de encontrar no bairro, assim como a piscina coberta e aquecida. E um espaço dedicado aos animais de estimação: o pet place.

 

Além disso, a área comum terá salão de festas gourmet, academia, playground, brinquedoteca, espaço para delivery e infraestrutura para carro elétrico. “Todos esses ambientes serão entregues mobiliados, equipados e decorados. Assim como os apartamentos, eles terão acabamento de alto padrão”, comenta a sócia e diretora administrativa da Swell, Vanessa Pissetti.

 

Plantas exclusivas – A configuração dos apartamentos de alto padrão à venda no Água Verde também torna o projeto especial. O Le Sense tem apenas um apartamento Garden, com 3 quartos (sendo 1 suíte) e 113 m² privativos.

 

O destaque do imóvel é o terraço: são quase 160 m² de área em parte de solo natural, que será entregue com grama. “O morador poderá inclusive plantas árvores de médio e grande porte em seu terraço. Isso é bastante raro de encontrar não só na região, mas na cidade como um todo”, explica Leonardo.

 

O Le Sense Água Verde também terá apartamentos com 2 suítes, 88 m² privativos e vagas para 2 automóveis. Além disso, terá apartamentos duplex. Esses imóveis de alto padrão terão 3 suítes e área entre 187 e 190 m² privativos. “Todas as unidades terão acesso por elevador nos dois andares”, lembra o sócio e diretor de incorporação da Swell.

 

Ainda, o edifício no Água Verde terá apartamentos de 3 quartos (com suíte) e área entre 113 e 120 m² privativos. “A torre única foi projetada de forma a proporcionar uma iluminação natural privilegiada para cada apartamento. A maioria dos imóveis será face norte”, conta Leonardo. Os imóveis à venda em Curitiba terão duas ou três vagas de garagem.

 

Acabamento de alto padrão – O projeto do Le Sense Água Verde é assinado pelo reconhecido escritório paranaense Bacoccini Arquitetura. “Nossa proposta é uma arquitetura contemporânea e permanente. Quando optamos pela presença marcante dos vidros na fachada, proporcionamos uma atmosfera aconchegante com luminosidade natural. Isso também possibilita um equilíbrio entre a linguagem arquitetônica externa e os ambientes internos”, explica Luiz Bacoccini.

 

Vanessa diz ainda que todos os imóveis serão entregues com um kit de acabamento de alto padrão. Isso quer dizer, com: metais misturadores no banheiro; piso de porcelanato no living e no lavabo; aquecedor de passagem digital instalado; esquadrias de alumínio termo-acústicas e automatizadas; infraestrutura para ar-condicionado nos quartos e manta acústica no piso.

 

Além do mais, a Swell Construções vai entregar carta de crédito e rodapé de madeira para os quartos, corredor e living. “Mesmo com todos esses diferenciais, o morador ainda poderá personalizar o seu imóvel, ampliando o living ou um dos quartos. Ou então, projetando a iluminação e o gesso do seu jeito”, destaca a sócia e diretora administrativa da Swell.

 

Sustentabilidade e qualidade – O Le Sense Água Verde será autossuficiente em energia. Em outras palavras: 100% da energia necessária para o abastecimento da área comum será gerada pela própria edificação, por meio de paineis solares instalados no telhado.

 

O sócio e diretor de engenharia da Swell Construções, Thiago Pissetti, diz que o sistema vai gerar uma economia média estimada em R$ 700,00 por mês, ou seja, espera-se uma economia de R$ 85 mil em 10 anos. “Além de os moradores economizarem na taxa de condomínio, esses recursos podem ser usados para realizar as manutenções preventivas e benfeitorias ao edifício”, sugere.

 

A Swell Construções é a 1ª empresa de Curitiba a auditar a qualidade de suas obras. Isso inclui todo o processo de revestimento de edifícios residenciais, da entrega dos materiais até a execução dos serviços. Além dos ensaios, o trabalho realizado com a DAHER Tecnologia inclui a rastreabilidade, monitoramento e gestão dos processos.

 

Segundo Thiago, isso traz diversos benefícios para o comprador. “Uma delas é a durabilidade e a proteção contra fissuras, desplacamento de fachada, manchas e eflorescências, problemas que estão entre os principais vícios construtivos das edificações brasileiras. A outra é a valorização do imóvel ao longo do tempo, em função do alto padrão de qualidade do edifício”, comenta.

Crédito: MEmilia Comunicação

Fonte: MEmilia Comunicação

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar