Dicas Notícias

Sua casa está cringe? Quatro dicas que vão mudar essa situação

Cringe. Essa palavrinha ganhou a internet nos últimos dias acompanhada de um debate entre gerações. Para a chamada geração Z, os nascidos entre 1990 e 2010, esse termo seria algo como “vergonha alheia” ou, até mesmo, antigo. Se tomar café, usar calça skinny e até pagar boletos é cringe, imagine a decoração de uma casa que pode passar anos sem ser alterada. Deu uma olhada ao redor e achou um pouco ultrapassado? A equipe da Kapazi selecionou quatro dicas que vão ajudar a mudar essa situação:

 

Personalidade: uma grande característica dessa geração é o reforço de personalidade. Por isso, seus toques pessoais aparecem nos mínimos detalhes da decoração com móveis, quadros, tapetes e até pequenos objetos que são – literalmente – a sua cara;

 

Estética impecável: a geração Z é exigente ao extremo com referências visuais. Tudo dentro da casa precisa estar esteticamente em harmonia para que possa render boas imagens. Isso vale para móveis, pisos e para os utensílios domésticos;

 

Sustentabilidade: essa geração é muito ligada às causas ambientais e não aceita nada contrário disso. Suas escolhas vão desde eletrodomésticos que ofereçam menos consumo até peças de fácil higienização, pois garantem pouco uso de água;

 

Cores: a decoração da geração Z busca ser sempre marcante, mas de uma forma nada extravagante. Por isso, composições coloridas ou apenas preto e branco estão descartadas da sua paleta.

 

Sobre a Kapazi

Orgulho de ser genuinamente brasileira, há mais de 40 anos a Kapazi é a líder brasileira no mercado de tapetes, capachos e revestimentos poliméricos para pisos. Com atuação em todo o país e mercado internacional, oferece soluções inovadoras ao segmento em mais de 2,5 mil itens de uso doméstico e profissional. Com um polo fabril de 40 mil metros quadrados, possui atuação multicanal com abrangência para atacado e varejo. Em constante compromisso com a inovação, a Kapazi atua em prol do desenvolvimento social e econômico e mantém firme visão de atingir a liderança do segmento nas Américas.

Crédito: Divulgação

Fonte: Oficina das Palavras

 

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar