Notícias

Cresce a procura pelo ensino integral em colégios de Curitiba

Unidade Água Verde do Colégio Stella Maris praticamente dobrou as matrículas para o período integral e acredita em comportamento impulsionado pela pandemia

Decidir ou não pela matrícula em tempo integral é uma dúvida que costuma ser muito comum no ambiente familiar. As perguntas que permeiam são inúmeras. A principal é sobre os pontos positivos e negativos para o desenvolvimento das crianças e adolescentes nesta jornada estendida. A verdade é que existem uma série de benefícios no ensino integral como maior diversidade de atividades e projetos, além da descoberta de novas habilidades, o que acabará impactando diretamente no seu desenvolvimento.

“No ensino integral o aluno poderá realizar tarefas de casa na escola com apoio pedagógico, reforçar os conteúdos aprendidos ou até mesmo ajudar na independência, autonomia, pensamento crítico, trabalho em equipe e desenvolvimento do estudante”, afirma Ana Claudia Alexandrini, diretora do Stella Maris unidade Água Verde.

Após pouco mais de um ano das aulas suspensas, devido a pandemia da Covid-19, aumentou significativamente a procura pela matrícula da modalidade integral na rede privada de ensino. “Em 2020 a média era de 94 alunos no integral, hoje temos 144 alunos matriculados e acreditamos que este aumento não só está relacionado ao período que eles passaram em casa, mas também ao comprometimento da escola com as famílias, bem como as atividades diversificadas”, ressaltou a diretora.

A modalidade atrai também aqueles pais que não tem com quem deixar os filhos ou buscam oferecer atividades complementares supervisionadas. No integral, o aluno poderá fazer atividades extracurriculares, como judô, dança, capoeira, centro de idiomas, música, futsal e educação financeira.

Passar mais tempo dentro da comunidade escolar, pode ser considerado uma oportunidade para o aluno desenvolver as relações sociais, com professores e funcionários da escola, além de estreitar os vínculos com novos colegas que optaram pelo mesmo modelo de ensino. “Se antes a modalidade poderia ser vista com uma certa sobrecarga sobre os estudantes, hoje em dia tanto alunos quanto seus familiares sentem falta do ambiente escolar e sabem o quanto ele é importante para o desenvolvimento”, finaliza Ana Claudia.

Colégio Stella Maris terá Colônia de Férias aberta para crianças até 10 anos

 Com as férias escolares de julho se aproximando, o Colégio Stella Maris abrirá vagas para a Colônia de Férias. Este ano, para levar ainda mais diversão às crianças, o colégio preparou a Colônia de Férias no Sítio do Stella, com a temática de festa junina. As atividades, brincadeiras e lanches serão típicos das festas de junho. 

A colônia irá do dia 05 a 16 de julho, nas dependências das unidades dos Colégios Stella Maris de Curitiba, além disso, é possível convidar um amigo, com até 10 anos de idade, para participar das atividades. As inscrições estão abertas nas dependências das escolas, até o dia 30/06.

Funcionamento da Colônia de Férias 2021:

  • De 05 a 16/07 (de segunda a sexta-feira)
  • Meio período: manhã (8h às 12h – tolerância: 12h30) ou tarde (13h30 às 17h30 – tolerância: 18h).
  • Período integral: das 8h às 17h30 – tolerância: 18h.

 

SOBRE O COLÉGIO STELLA MARIS

Com mais de 55 anos de dedicação à educação e formação integral de seus alunos, o Colégio Stella Maris está entre as grandes referências de ensino em Curitiba e, atualmente, conta com três unidades nos bairros Água Verde, Juvevê e Xaxim. Fundado em 1963, o Colégio segue as premissas de ensino forte e personalizado, baseando a educação nos valores que primam pela família e pelo bom convívio social. O Colégio Stella Maris atingiu resultados pedagógicos expressivos ao longo dos anos, sendo reconhecido, em 2020, como a segunda escola com maior eficiência digital, dentre 34 escolas no Brasil. Buscando sempre adotar as mais modernas tendências pedagógicas, o Colégio e seus professores são conhecidos pela dedicação e a atenção individual ao aluno. 

 

Crédito: Divulgação

Fonte: Grupo Excom Comunicação 

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar