Indústria Imobiliária

Coronavírus: impactos e desafios no mercado imobiliário

“O coronavírus, também conhecido por COVID-19, é uma realidade no Brasil. Neste momento, é mais do que necessário estarmos atentos às nossas ações para evitarmos a transmissão do vírus. Ainda assim, é extremamente importante manter a calma e agir de forma inteligente.

Tratando do mercado imobiliário, o presidente da CBIC, José Carlos Martins, explica que há um diálogo entre a entidade com instituições financeiras, de forma a encontrar uma solução para não prejudicar o mercado. Ele aponta que o novo programa de habitação de interesse social pode dar maior espaço de atuação e que há uma possibilidade de maior crédito para as empresas e para as pessoas.

O sócio-diretor da Brain Inteligência Estratégica, Fábio Tadeu Araújo comentou sobre a situação:

O que a gente tem visto do impacto do COVID-19 na economia como um todo, mas sobretudo no mercado imobiliário, é uma mudança de cultura. Algumas coisas em época de crise tendem a mudar a maneira como as pessoas se relacionam. Isso quer dizer que até os canais de venda e de comunicação podem se tornar mais virtuais daqui pra frente, mesmo após o fim da pandemia. Esses são alguns exemplos de como a mudança de hábito que temos visto pode afetar o comportamento do consumidor e do empresariado do setor imobiliário.

É obvio que ainda é muito cedo para planejar e fazer inferências muito distantes de como ficará o nosso mercado.”

Foi realizada hoje uma palestra online, onde foi falado mais do histórico do impacto do COVID-19 no mercado imobiliário brasileiro. Confira em anexo.

Fonte: Texto – site do Sinduscon-PR
Crédito Imagem: Philipp Birnes – Pexels

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar