ROC, da Construtora Laguna, terá arquitetura contemporânea, fachada móvel e pé direito livre de três metros

Nova York é referência internacional como modelo de lugar cosmopolita, com a sua rotina intensa, ruas movimentadas, a sensação de cidade que não para, integração das pessoas com os bairros e um estilo de vida único. É inspirada pela vivacidade e boas experiências da mais famosa cidade norte-americana que a Construtora Laguna lança o ROC – Residence Open Concept.


Painéis metálicos móveis em tons de cobre permitirão que os moradores mudem a configuração das aberturas externas a cada momento do dia.  Quem passar pela esquina da Francisco Rocha com Visconde de Guarapuava, no Batel, verá frequentemente um desenho novo. Internamente, os moradores poderão definir os espaços e as paredes optando por ambientes maiores ou menores. 


O bairro é um dos mais desejados por quem deseja morar na capital paranaense e proporciona um estilo de vida que resgata as melhores experiências de Nova York. Entre elas, a integração dos locais de residência com o espaço público, como as ruas, jardins e praças.

“O ROC chega para transformar a relação das pessoas com o lugar ao qual pertencem. O projeto é resultado de uma soma muito rica de experiências: ouvimos os moradores do Batel, visitamos empreendimentos nova-iorquinos, investimos em conceitos e tecnologias de padrão internacional que permitirão aos moradores viver com segurança, mas sem muros e numa relação afetiva com o bairro”, explica o diretor geral da Laguna, Gabriel Raad.

Bairro cosmopolita
Em pleno coração do Batel, na esquina da Francisco Rocha com a Visconde de Guarapuava, ao lado de shoppings, parques, restaurantes, cafés, galerias de artes, hospitais e supermercados, o projeto propõe um estilo de vida urbano e conectado com o bairro. 


Além da oportunidade de um life style contemporâneo, os moradores terão o conforto de residir em uma infraestrutura que se molda às necessidades de cada morador. O ROC possibilita a opção por uma planta aberta e sem paredes para personalização a partir das necessidades do futuro proprietário.

O empreendimento
O empreendimento é composto por 31 residências que comportam de 1 a 3 suítes, que vão de 104 m² a 314 m² de área privativa nas penthouses e pé direito de pelo menos três metros em todas as unidades. A entrega está prevista para o primeiro semestre de 2020.


Conforto
O empreendimento terá esquadrias de alta performance, paredes duplas entre as unidades, portas de entrada maciças e com lâmina retrátil inferior para vedação acústica, piso aquecido em todos os banheiros das suítes e lajes entre as unidades com manta acústica. “A Laguna busca investir em tecnologias que assegurem a redução de ruídos no interior das unidades e a máxima eficiência energética. Por isso, o ROC traz um projeto termo-acústico personalizado para cada uma das unidades. Além da diminuição dos ruídos internos, o planejamento individual permite que o ambiente permaneça com uma temperatura agradável em todas as estações do ano. Isso proporciona a economia de energia por conta da redução no uso de ar condicionado e aquecedores”, explica o diretor de incorporação da Laguna, André Marin.


Liberdade sem abrir mão da segurança
O ROC não terá grades ou muros que delimitem o seu espaço. O empreendimento trará o conceito nova-iorquino de integração dos edifícios com a cidade e o bairro. Mas isso não significará abrir mão da segurança. Entre os itens de segurança estão o porte-cochère para embarque e desembarque e eclusa social e de serviço, além de sistemas de segurança e guarita blindada. Tudo para permitir que os moradores sintam a liberdade de morar em um lugar conectado com as melhores experiências do bairro.

Conceito Open Plan
Escolher como morar. Talvez essa seja a definição mais ampla e completa do conceito Open Plan proposto pela construtora para o ROC. O objetivo é permitir que os moradores decidam como morar baseados nas suas necessidades e estilo de vida. A Laguna trabalhou para entregar residências para viver e morar, em vez de apartamentos com plantas padrão. O conceito Open Plan estará presente de dentro para fora do empreendimento na integração com a cidade e invadindo as ruas do bairro. 


Pé-direito elevado
O ROC é projetado com pé-direito de pelo menos três metros em todas as unidades e duplo em algumas das residências. Os vidros laminados ou insulados, com esquadrias que vão do piso até o teto em alguns ambientes, permitem o aproveitamento ideal da luz natural durante o dia. 

O pé-direito elevado, em conjunto com esquadrias do piso ao teto, contribui para a entrada da luz natural nos ambientes, além de garantir uma diferenciação no mercado. Empreendimentos com um pé-direito elevado trazem consigo sensações de espaço, beleza e luxo.

Antigos moradores
O terreno já contava com um morador antes mesmo de o projeto nascer: um pinheiro araucária, que continuará ali para sempre. A araucária ganhará status de obra de arte, protegida por uma grade de circulação que lembra o material da Ópera de Arame. A copa da árvore poderá ser vista de cima para baixo e trará atmosfera e visão únicas para garantir um relacionamento mais próximo com um dos símbolos do Paraná. “Prezamos pelo respeito ao que é necessário para o bem-estar da árvore, seguindo rigorosamente o preconizado pela Secretaria do Meio Ambiente de Curitiba”, reforça Ana Paula.

O subsolo das garagens foi adaptado para integrar o pinheiro. Assim ele ganhará destaque em uma área de passagem intensa dos moradores e receberá olhares e visitas todos os dias.

Sustentabilidade
Estação de recarga para carro elétrico, projeto de simulação energética para dimensionamento dos vidros e esquadrias para cada unidade, detalhamento de materiais para atenuação acústica interna e tecnologias de arquitetura e fachada estão entre os destaques sustentáveis do empreendimento. 



O ROC já está em processo de certificação GBC Brasil Condomínio. Isso significa poupar o uso de água, energia e recursos, preservando a biodiversidade e garantindo o bem-estar dos moradores e do planeta. Um exemplo é o aquecimento central de água com recirculação, inédito em um empreendimento residencial em Curitiba, que gera economia em longo prazo, contribui com o meio ambiente e aumenta a área útil das residências.

Estima-se, por exemplo, que as ações desenvolvidas permitirão a redução de 27% do uso do ar-condicionado, se comparado com um empreendimento padrão, e a diminuição em até 40% de doenças como alergias e relacionadas com a qualidade do ar.

Plantão de vendas
O plantão de vendas já está aberto para visitação no Pátio Batel (Avenida do Batel, 1868). Um vídeo de apresentação e um moderno sistema de maquete com óculos de realidade virtual permitem a visualização em 360° das áreas comuns.

Sobre a Construtora e Incorporadora Laguna
A Construtora e Incorporadora Laguna atua desde 1996 no mercado imobiliário. A empresa é referência na construção de edifícios residenciais, comerciais e corporativos de alto padrão. A Laguna tem como principal conceito a inovação nos empreendimentos desenvolvidos que, além de diferenciados, estão localizados nas regiões mais disputadas de Curitiba. A construtora é pioneira na implantação de certificação ambiental como a conquista do LEED (Leadership in Energy and Enviromental Design), o selo verde de maior reconhecimento internacional, com o Condomínio Logístico São Carlos, em São Paulo, com o Edifício Iguaçu 2820 e o escritório do 21° andar do Iguaçu 2820, além da pré-certificação do LLUM em Curitiba. Mais informações no site www.construtoralaguna.com.br ou pelo telefone (41) 3259-1800.

Fotos: divulgação
Fonte: Talk Comunicação