Indústria Imobiliária

Vendas de imóveis novos crescem quase 50% em Curitiba e estoque cai

O número de imóveis novos vendidos em Curitiba no 1º semestre do ano foi 48,4% maior do que o apurado no mesmo período do ano passado, totalizando 2.327 unidades comercializadas.

 

A pesquisa da Associação dos Dirigentes de Empresas do Mercado Imobiliário do Paraná (Ademi/PR), realizada em parceria com a Brain Bureau de Inteligência Corporativa, revela que a melhora mais significativa foi entre os imóveis comerciais: que passou de um saldo sem vendas e 12 distratos para um cenário positivo de 259 unidades comercializadas. Já entre residenciais, o crescimento foi de 31% dos imóveis comercializados, totalizando 2.068 apartamentos vendidos.

Para o presidente da Ademi/PR, Jacirlei Soares Santos, esse crescimento é um reflexo da mudança no panorama econômico nacional. “O controle da inflação (apesar de uma leve alta em junho por conta da alta no preço dos combustíveis gerada pela greve dos caminhoneiros), a redução dos juros para financiamento imobiliário com a queda histórica da Selic e a recuperação dos níveis de emprego criaram um cenário de confiança e maior adequação da renda para a compra do imóvel”, analisa.

O preço médio do metro quadrado privativo dos apartamentos residenciais novos em Curitiba teve alta de 3%. A média do metro quadrado privativo para os imóveis novos na capital paranaense chegou a R$ 7.224,00. Na análise por bairro, o Batel liderou o valor médio do metro quadrado privativo para todas as tipologias (1, 2, 3 e 4 quartos), de R$ 11.325,00 a R$ 13.404,00.

“A maioria dos investidores brasileiros tem um perfil conservador, tradicionalmente com aplicações financeiras de baixo risco, como poupança e Renda Fixa. A queda da inflação teve como reflexo direto uma queda vertiginosa dos índices de rentabilidade e o imóvel residencial voltou à cena como boa opção, seja para a compra com fins de moradia ou mesmo para investimento”, explica o diretor de Relações Institucionais da Ademi/PR, Marcelo Gonçalves. 

NH Hotel Curitiba

Lançamentos – Em termos de lançamentos, a pesquisa apontou uma nova tendência para o mercado imobiliário em Curitiba: os novos empreendimentos residenciais vêm com menos unidades, a maioria abaixo de 100 por condomínio. Basta analisar os dados: embora o número de empreendimentos lançados tenha ficado estável (foram 21 no 1º semestre de cada ano), a quantidade de unidades novas colocadas no mercado foi 2,4 vezes menor (1.783 no 1° semestre de 2017 contra 724 no 1º semestre de 2017).

Estoque – O estoque de apartamentos novos em Curitiba caiu 11,6% nos últimos 12 meses. No 1º semestre de 2017, havia 8.234 unidades residenciais disponíveis para venda, já no 1º semestre desse ano, eram somente 7.282 imóveis. “A se considerar pela estabilidade em relação ao número de empreendimentos e a drástica redução no número de unidades novas em Curitiba, pode-se afirmar que boa parte desse consumo foi de apartamentos prontos para morar, o que fez o estoque cair. Ao mesmo tempo, significa que os novos lançamentos têm uma absorção melhor no mercado do que em anos anteriores”, comenta o presidente da Ademi-PR.

A pesquisa da Associação dos Dirigentes de Empresas do Mercado Imobiliário do Paraná (Ademi/PR) e da BRAIN Bureau de Inteligência Corporativa, em maio de 2018, contou com uma amostra acumulada de 380 empreendimentos residenciais novos (na planta, em construção ou concluídos) para venda por construtoras, incorporadoras e imobiliárias em Curitiba, coletados diretamente junto às empresas do setor.

DADOS:
Fonte: Ademi-PR/BRAIN

A escalada do setor de lançamentos imobiliários em Curitiba:

  • Venda de imóveis residenciais e comerciais novos em Curitiba:
    1º semestre 2018 – 2.327 imóveis
    1º semestre 2017 – 1.568 imóveis
    CRESCIMENTO DE 48,4 %
  • Venda de apartamentos novos em Curitiba:
    1º semestre de 2018 – 2.068 imóveis
    1º semestre de 2017 – 1.580 imóveis
    CRESCIMENTO DE 31%
  • Venda de salas comerciais novas em Curitiba:
    1º semestre de 2018: 259 imóveis
    1º semestre de 2017: -12 imóveis

  • Preço médio do m² dos imóveis residenciais novos em Curitiba (R$/m²):
    Junho/2018 – R$ 7.224,00
    Junho/2017 – R$ 7.011,00
    ALTA DE 3%
  • Estoque de apartamentos residenciais novos em Curitiba:
    Junho/2018 – 7.282 imóveis
    Junho/2017 – 8.234 imóveis
    QUEDA DE 11,6%

 

Crédito: Divulgação
Fonte: Maria Emilia Staczuk – Comunicação – Assessoria de Imprensa

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar