Indústria Imobiliária

Imóveis em Orlando: 70% dos brasileiros compram para alugar em temporada

Segundo Authentic Real Estate Team, quem investe para ser locador procura casas com sete ou mais dormitórios e piscina, enquanto os que vão morar escolhem as menores e valorizam acabamentos e decoração.

 

O mercado imobiliário de Orlando atrai cada vez mais brasileiros, principalmente pela rentabilidade dos aluguéis em comparação ao Brasil, pelo fluxo de turistas durante o ano todo e a expectativa de crescimento da cidade. Apesar das motivações similares, os objetivos dos investidores nem sempre são os mesmos e influenciam no tipo de imóvel que será adquirido. Segundo a Authentic Real Estate Team, 70% têm o objetivo de ser locador e 30% têm a intenção de morar na cidade, e as principais diferenças entre as casas estão relacionadas ao bairro e à quantidade de cômodos.

Para quem deseja se inserir no mercado de aluguel por temporada, é comum a procura por condomínios de casas com sete ou mais dormitórios, devido ao público que frequenta a região nesses períodos. “Os turistas costumam vir com tios, primos, avós e amigos, por isso necessitam de bastante espaço. Além disso, como Orlando é sede de competições esportivas, é comum times e comissões inteiros alugarem um ou mais lugares para se hospedarem com conforto”, explica Tiago Ferreira, fundador da Authentic.

O retorno financeiro é melhor do que quando comparado à aquisição de um imóvel menor. “A diária de aluguel de um imóvel de US$ 570 mil vale mais que o dobro da de um de US$ 300 mil, que tem menos quartos, é menos procurado pelos visitantes e sofre mais concorrência que os maiores”, exemplifica Ferreira.

A escolha da região também é estratégica. Os bairros de Kissimmee e Davenport são os mais buscados pelos locadores, já que permitem o aluguel por temporada. Próximos do Walt Disney World, abrigam complexos residenciais mais fáceis de ofertar aos turistas. Muitos já contam com grande estrutura de lazer, com piscinas – 90% das construtoras já incluíram como padrão –, tobogãs, rio lento, playground, serviços de transporte e vendas de passe para os parques.

Casas menores em bairros com boas escolas atraem quem vai morar
Os brasileiros que se instalam na cidade americana para estudar ou trabalhar, por outro lado, preferem as casas menores, com três a seis dormitórios, de bairros como Windermere e Winter Garden, zonas mais afastadas do fluxo turístico, próximas a boas escolas e que contam com facilidades como transporte público mais acessível e segurança reforçada. Além disso, já que vão residir no local, esses investidores têm mais interesse em manter no imóvel itens como closets e em deixar o ambiente com sua marca, valorizando detalhes como acabamentos e decoração.

Hoje, a Authentic apura que, com a previsão de aumento do preço dos imóveis na região em 10% até 2021, a tendência é essa diferença ser cada vez mais ampla.

Sobre a Authentic Real Estate Team
Imobiliária especializada na comercialização de mansões e casas luxuosas em Orlando, nos Estados Unidos. Criada em 2014 pelo brasileiro Tiago Ferreira, a Authentic Real Estate Team atende a americanos e estrangeiros de todos os países, mas tem uma equipe composta 90% por brasileiros e presta atendimento especializado a quem nasceu no país.
https://casasavendaorlando.com.br/

Crédito: Divulgação
Fonte: Press Works

 

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar