Indústria Imobiliária

Imóveis de luxo ditam tendências sustentáveis

Itens como eficiência energética, conforto acústico e térmico e a reutilização de materiais são algumas das características dos prédios verdes

 

A preocupação com o meio ambiente e a busca pela sustentabilidade são o objetivo das empresas conectadas com a preservação e conservação da biodiversidade no planeta. Itens como eficiência energética, conforto acústico e térmico e a reutilização de materiais traduzem algumas das características dos chamados prédios verdes. E na dianteira, ditando as tendências sustentáveis na construção civil, estão os empreendimentos considerados de luxo.

Entre os exemplos dos benefícios ecológicos em prédios verdes destaca-se o LLUM da Construtora e Incorporadora Laguna, em Curitiba. O empreendimento é o primeiro residencial do país a conquistar a pré-certificação ambiental LEED – Nível Ouro. O projeto prevê a redução em 35% do consumo de energia do condomínio, que contará com iniciativas sustentáveis prevendo a economia de água, uso de energia solar e de madeira com manejo florestal certificado internacionalmente.

Segundo o diretor de incorporação da Laguna, André Marin, a construtora alia sustentabilidade a conforto e economia.

A Laguna tem como um dos seus princípios o desenvolvimento de projetos que reduzam os danos causados pela exploração de recursos naturais, buscando sustentabilidade sem deixar de lado a qualidade.

Entendemos que ser sustentável é abraçar a qualidade de vida de toda a sociedade”, diz.

Já o ROC Batel, também da Construtora Laguna, traz um sistema de aquecimento da água com recirculação, com efeito em economia a longo prazo e benefícios ao meio ambiente. Seu projeto também traz estações de recarga para carro elétrico, projeto de simulação energética para dimensionamento dos vidros e esquadrias para cada unidade, detalhamento de materiais para atenuação acústica interna e tecnologias de arquitetura e fachada. O ROC é projetado com pé-direito de pelo menos três metros em todas as unidades e duplo em algumas das residências. Os vidros laminados ou insulados, com esquadrias que vão do piso até o teto em alguns ambientes, permitem o aproveitamento ideal da luz natural durante o dia.

A estimativa é que as ações desenvolvidas no empreendimento permitam a redução de 27% do uso do ar-condicionado, se comparado com um empreendimento padrão, e a diminuição em até 40% de doenças, como alergias, relacionadas à qualidade do ar.

A iluminação natural é um recurso sustentável, vastamente utilizado nos projetos de arquitetura considerados referência fora do país, e que está presente tanto no LLUM quanto no ROC. A luz do sol, associada à boa circulação de ar e a um pé-direito duplo, traz economia, sustentabilidade e sofisticação para o apartamento. Além disso, os raios solares estão relacionados com a produção de vitamina D, o que contribui positivamente para a saúde e bem-estar dos moradores.

Líder em projetos sustentáveis na Região Sul

 

A Laguna é a empresa do setor com maior número de projetos sustentáveis certificados ou em processo de certificação na Região Sul. Atualmente são quatro projetos certificados pelo Leadership in Energy and Environmental Design (LEED), um empreendimento com pré-certificação no mesmo selo e um em processo de certificação GBC Condomínio Gold. A construtora paranaense foi uma das primeiras do Brasil a adotar práticas de sustentabilidade no planejamento de suas obras, seguindo o padrão construtivo estabelecido pelo LEED, o mais importante selo verde de certificação e orientação ambiental para edificações, presente em 143 países.

 

 

O diretor-técnico da Petinelli – empresa especializada em consultoria e soluções em green building – cita a importância das iniciativas sustentáveis adotadas nos empreendimentos da Laguna. “A construtora é uma líder no mercado. Cada novo edifício traz uma novidade. Nós que acompanhamos de perto o mercado imobiliário de Curitiba, percebemos que muitas construtoras começaram a tentar seguir seu exemplo. O resultado são projetos com alto nível de sustentabilidade chancelados por entidades internacionais. Com a Laguna estamos mudando o mercado da construção civil no caminho da sustentabilidade.”

Sobre a Construtora e Incorporadora Laguna
A Construtora e Incorporadora Laguna atua desde 1996 no mercado imobiliário. A empresa é referência na construção de edifícios residenciais, comerciais e corporativos de alto padrão. A Laguna tem como principal conceito a inovação nos empreendimentos desenvolvidos que, além de exclusivos, estão localizados nas regiões mais disputadas de Curitiba. A Laguna é a empresa do setor com maior número de projetos sustentáveis certificados ou em processo de certificação na Região Sul do país. Já são quatro projetos certificados pelo Leadership in Energy and Environmental Design (LEED), um pré-certificado também pelo LEED e um em processo de certificação pelo GBC Condomínio: selos Gold e Silver para o Centro de Distribuição de São Carlos (SP), Gold para o Edifício 2820, Platinum para o escritório Laguna Edifício 2820, a pré-certificação Gold para o LLUM e ROC Batel em processo de certificação GBC Condomínio. Mais informações no site www.construtoralaguna.com.br ou pelo telefone (41) 3259-1800.

Crédito: Divulgação
Fonte: Talk Comunicação

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar