Indústria Imobiliária

ÍCARO Jardins do Graciosa será entregue em agosto!

O residencial de luxo ÍCARO Jardins do Graciosa, assinado pelo renomado arquiteto Arthur Casas e que adota o conceito de casas suspensas, localizado no bairro Cabral, será entregue aos seus moradores no dia seis de agosto!

 

Para marcar a data, a incorporadora AG7 promove evento exclusivo para os moradores e convidados com a presença de Arthur Casas e da paisagista Renata Tilli, que assina o paisagismo do empreendimento.

Durante a ocasião, também será aberta a nova exposição da Galeria 31 – espaço de arte, cultura, design e inovação que funciona dentro do apartamento modelo do ÍCARO Jardins do Graciosa – em parceria com a SIM Galeria e LIN Brasil, representante do designer Sergio Rodrigues no Brasil, denominada “Panorama – as vistas da arte contemporânea”, que irá apresentar um breve relato da produção recente de artistas brasileiros, nascidos em diferentes gerações, a partir do acervo das Galerias SIM e Simões de Assis.

Com a entrega do empreendimento, a capital paranaense passa a contar com um ícone da arquitetura contemporânea que já é referência por suas exclusividades e muda a paisagem de um dos bairros mais cosmopolitas da cidade. O projeto do residencial valoriza as áreas verdes que ladeiam os edifícios em toda a sua altura, em uma arquitetura plenamente integrada ao paisagismo, e conta com a presença do concreto aparente, uma tendência da arquitetura e que nasceu, no ÍCARO Jardins do Graciosa, do projeto do arquiteto Arthur Casas.

O terreno possui 4 mil m² e três luxuosas torres, nas quais encontram-se unidades de apartamentos de três a cinco suítes, Garden duplex e coberturas penthouse, com plantas personalizadas e diferentes metragens entre 315 m² e 840m². Muita luz natural, terraços exuberantes e jardins suspensos em todas as unidades são alguns dos destaques do projeto.

“O ÍCARO Jardins do Graciosa tem por proposta sair do conceito do prédio de apartamento. Ele traz para o morador a escala da residência, da amplitude e da privacidade que ela proporciona. Os moradores do ÍCARO Jardins do Graciosa se sentirão como habitando em uma casa, e não um apartamento”, explica Arthur Casas.

O espaço é um conceito-chave, assim como a incidência de sol nos apartamentos e a privacidade de cada unidade. “O ÍCARO Jardins do Graciosa foi projetado para oferecer a máxima qualidade de vida aos moradores, por isso seus apartamentos se aproximam muito, pelo espaço e pela distribuição, do projeto de casas. São verdadeiras casas suspensas. Dentro desse conceito, as plantas das unidades são quadradas, com terraços muito grandes, realçando esta proposição inovadora”, detalha Alfredo Gulin Neto, CEO da AG7.

Entre acabamentos premium, definições sustentáveis e extremo cuidado com segurança, conforto, privacidade e tecnologia, o residencial conta com uma diversidade de espaços e serviços pensados para facilitar o dia a dia do morador. De acordo com a AG7, a ideia é sempre criar edifícios que contribuam para uma cidade melhor, inclusive no que se refere à mobilidade urbana. Por isso, a criação do bicicletário foi extremamente pensada para motivar pessoas a deixar o carro em casa e utilizar mais o transporte de bicicleta. “Essa é uma contribuição realmente efetiva para a cidade, uma vez que, com menos carros nas ruas, ela se torna mais viva, segura, sustentável e saudável”, diz o arquiteto da AG7, Felipe Rangel.

Outro destaque do projeto é o paisagismo de Renata Tilli. De acordo com ela, o grande fator que diferencia o ÍCARO Jardins do Graciosa dos demais empreendimentos é a máxima exploração das possibilidades propostas pela tendência, fortíssima nos principais centros urbanos do mundo, como Berlim, Milão, Londres, Cingapura ou Tóquio, da integração plena entre arquitetura e paisagismo.

“A arquitetura não pode estar desassociada da paisagem e muito menos a paisagem pode ignorar todas as intervenções da construção”, aponta a paisagista. “O ÍCARO Jardins do Graciosa traz um jeito novo de olhar a arquitetura. Nosso objetivo foi colocar a vegetação em todos os lugares para que o espectador possa olhar, mas de uma forma nova, em que a vista é a natureza, e não o concreto; deixar que as pessoas sejam invadidas pela vegetação o tempo inteiro, e que a maior presença seja ela”, comenta.

Além das imensas floreiras, projetadas como se tivessem sido plantadas em solo, o ÍCARO Jardins do Graciosa conta também com pátios internos, jardins e um lago, com tratamento biológico, com vegetação aquática a peixes. A piscina também é um diferencial, por ser interna ela permite um uso mais racional de energia em seu aquecimento. “Como o projeto arquitetônico e o paisagismo privilegiam espaços integrados, o frescor da vegetação e a ventilação proporcionarão ambientes mais frescos, requerendo um uso muito menor de ar-condicionado”, revela Renata Tilli.

O ÍCARO Jardins do Graciosa está localizado no bairro Cabral, em frente ao Graciosa Country Club. Para saber mais sobre o empreendimento, acesse o site.

Prêmios do ÍCARO Jardins do Graciosa
O ÍCARO Jardins do Graciosa já recebeu importantes prêmios do mercado de imóveis e construção civil. São eles: o 23º Prêmio Master Imobiliário, o mais importante do mercado de imóveis, na categoria “Profissional – Soluções arquitetônicas”, que contempla a concepção e o desenvolvimento de projetos focados em agregar qualidade ao imóvel e/ou na solução de problemas particulares causados pelo terreno no qual se encontra; e o terceiro lugar no prêmio Saint-Gobain de Arquitetura Habitat Sustentável, uma das principais premiações do mercado de construção civil brasileiro, na categoria “Profissional – Projeto Residencial”.

Além do Prêmio, o empreendimento também conta com o Selo da Certificação Green Building Council (GBC) Brasil Condomínio Projeto e Obra na categoria Gold, conferido a empreendimentos que demonstram liderança, inovação, gestão ambiental e responsabilidade social. O selo da GBC atesta que o ÍCARO Jardins do Graciosa cumpriu requisitos enquadrados em oito categorias: implantação; uso racional da água; energia e atmosfera; materiais e recursos; qualidade ambiental interna; requisitos sociais; inovação e projeto e créditos regionais.

Crédito: Divulgação
Fonte: Top View – Home Curitiba – by Ademi/PR

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar