Indústria Imobiliária

Empresário de 33 anos assume controle da construtora responsável pelas maiores torres da América do Sul

Aos 33 anos, o empresário Alcino Pasqualotto assume a presidência e o controle da construtora Pasqualotto e do projeto do maior residencial da América Latina – o Yachthouse, em Balneário Camboriú.

 

Alcino detém 60% das ações da empresa fundada pelo pai, que desde 2017 passou por consultorias externas e deixou a característica de empresa familiar.

A mudança, no entanto, não altera o planejamento: a aposta para os próximos anos é em novos empreendimentos estilo home club, em Balneário Camboriú, Itapema e na Praia Brava, em Itajaí.

Parcerias

Em férias na Itália, com a família, Alcino disse que a parceria com o estúdio italiano de design Pininfarina, que é responsável pelo projeto das torres do Yachthouse, pode ser reeditada. – Estamos fortalecendo essa relação e desenvolvendo mais planos futuros – comentou.

A construtora também mantém parcerias com empresas do Panamá, Estados Unidos, Inglaterra, Portugal e Espanha. Mas o empresário diz que não há projetos de expandir os negócios para o exterior. – Santa Catarina hoje é o melhor estado do Brasil para se viver e trabalhar, e o nosso Litoral é a região que mais se destaca. Percebemos uma migração muito grande nos últimos anos e só tente a aumentar, nossa diversidade de produtos e cidades de atuação se deu por essa alta demanda em nossos clientes e necessidade de mercado.

Com 274 mil metros quadrados construídos e outros 340 mil em construção, a empresa, onde Alcino começou a trabalhar aos 17 anos, está entre as que colecionam as maiores metragens construídas no Sul do Brasil.

Crédito: Divulgação
Fonte: NSC Total

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar