Indústria Imobiliária

3 fatos sobre Inspeção Predial que você precisa saber

Para garantir a segurança e bom funcionamento do seu imóvel comercial ou residencial, confira as dicas sobre a importância da manutenção e como realizá-la da melhor forma

 

Nos últimos dias, o incêndio do Museu Nacional, no Rio de Janeiro, foi um dos assuntos mais comentados na imprensa e, com isso, a importância da inspeção predial também. Segundo Celso Amaral, diretor corporativo da Amaral d’Avila, a manutenção de estabelecimentos comerciais e residenciais é fundamental para evitar danos e tragédias, como incêndios, desabamentos, curtos elétricos, além de manter o imóvel regular e legalizado, já que o serviço de inspeção é exigido pela lei.

Então, para ajudar você a manter seu imóvel seguro e com funcionamento regular, separamos 3 fatos importantíssimas a saber sobre a inspeção predial. Confira!

1- Como é feita a Inspeção Predial

A inspeção predial é a análise periódica de um imóvel, sendo ele comercial ou residencial, e tem como objetivo avaliar toda a estrutura do estabelecimento e, assim, diagnosticar reparos e evitar dados, como: desabamentos, incêndios, entre outros.

É Importante ressaltar que toda inspeção deve ser feita por profissionais habilitados ou até mesmo uma equipe multidisciplinar, composta por engenheiro civil, arquiteto, engenheiro elétrico, engenheiro mecânico, entre outras outras modalidades da Engenharia.

A análise deverá sempre levar em conta as principais características de uma construção que, se danificadas ou em mau estado de conservação, podem colocar em risco tanto a vida de pessoas que frequentam o imóvel como também as que vivem ao redor do local

2- Qual o período ideal entre uma inspeção e outra?

Para o diretor Celso Amaral, a inspeção predial, se realizada periodicamente, não precisa ser tão aprofundada, porém, bem elaborada. “Essa avaliação não precisa ser necessariamente aprofundada, mas precisa ser o suficiente para identificar os potenciais riscos e que deverão ser informados à administração do imóvel, visando a tomada das providência necessárias”, afirma.

3- Documentos em dia

A inspeção predial é obrigatória e definida pela norma técnica ABNT NBR 5674 como avaliação do estado da edificação e de suas partes constituintes, realizada para orientar as atividades de manutenção. Então, para estar em dia com a documentação e dentro das normas legais, você deve se atentar aos seguintes pontos:

  • Tenha toda a documentação atualizada, como: última versão do plano de manutenção, laudos de inspeção predial anteriores, certificado de teste de estanqueidade do sistema de gás, relatório de Inspeção anual de elevadores, entre outros.
  • Outra dica é que se antecipe e faça uma prévia avaliação do imóvel, como: avaliar o funcionamento dos elevadores, algum problema com fiações, vazamentos etc. Assim, é possível sempre estar atento ao funcionamento do imóvel entre uma inspeção e outra e não ser pego de surpresa no momento das avaliações.

Para Celso, ” O ideal é que essas inspeções sejam realizadas de forma periódica, notadamente nos prédios mais antigos. Não deveríamos esperar uma tragédia acontecer para tomar as providências”, conclui.

Sobre a Amaral d’Avila Engenharia de Avaliações

A Amaral d’Avila Engenharia de Avaliações é uma empresa especializada em avaliações de imóveis empresariais e rurais, além de realizar análises da sua estrutura, ativos e bens, gestão administrativa e ambiental, bem como estudos e análises de obras públicas e privadas.

Para saber mais, acesse: http://amaraldavila.com.br

Crédito: Divulgação
Fonte: Agencia Bowie

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar