Artigos

É possível trabalhar e morar legalmente nos Estados Unidos através do passaporte italiano

*Por Daniel Toledo

Morar e também trabalhar legalmente nos Estados Unidos é certamente um dos grandes sonhos da população brasileira e quem possui cidadania Italiana está ainda mais perto desta realização.

Devido ao fato de a Itália possuir tratado de comércio com os Estados Unidos, é possível solicitar o visto chamado E2 que permite ao solicitante a trabalhar legalmente no país, e também viver com o cônjuge e filhos solteiros menores de 21 anos. Mas primeiro é preciso obter a cidadania italiana.

Este visto está condicionado a investimento em território americano, que seria em torno de 150 mil dólares. A empresa pode pertencer a qualquer segmento, não sendo requerido experiência no Brasil, mas o beneficiário detentor da cidadania deve ser o administrador do negócio.

Vale lembrar que o valor mínimo inicial para investidores que possuem somente cidadania brasileira é de 500 mil dólares.

Para que todas as etapas ocorram de forma segura e transparente, é necessário procurar um profissional que irá auxiliar na obtenção do E-2. Caso aprovado, além de morar e trabalhar, será possível também usufruir também de serviços públicos, inclusive o sistema de ensino.

Embora não conduza ao Green Card, este visto normalmente tem duração inicial de cinco anos, podendo ser prorrogado por prazo indeterminado. Para isso, basta que o negócio que foi aberto continue em operação.

*Daniel Toledo é advogado especializado em direito internacional, consultor de negócios e sócio fundador da Loyalty Miami.
Para mais informações, acesse: http://www.loyalty.miami ou entre em contato por e-mail contato@loyalty.miami. Toledo também possui um canal no YouTube com mais de 55 mil seguidores http://www.youtube.com/loyaltymiamiusa com dicas para quem deseja morar, trabalhar ou empreender nos Estados Unidos. A empresa agora possui sede em Portugal e na Espanha.

Crédito: Divulgação
Fonte: Carolina Lara – Assessoria de Imprensa e Conteúdo

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar