Artigos

Cinco pontos que mostram porque os leilões estão revolucionando o setor imobiliário

*Por André Zukerman

O mundo nunca mais foi o mesmo após o crescimento exponencial da tecnologia nas últimas décadas. Setores inteiros da economia foram remodelados, novos segmentos surgiram e velhos hábitos foram substituídos por novos comportamentos. O mercado imobiliário, evidentemente, não ficou imune a essa transformação e também passou por grandes mudanças nos últimos anos. A mais significativa certamente é a popularização dos leilões online, que expandiu a quantidade de ofertas de imóveis às pessoas ao mesmo tempo em que facilitou as negociações para comprar e vender casas e apartamentos. Confira cinco tópicos que exemplificam essa revolução que está acontecendo no setor:

1 – Eficiência e agilidade na negociação

Se antes o interessado em comprar uma propriedade precisava contar com o apoio de uma corretora para definir alguns imóveis e, só depois, negociar com o vendedor, agora a situação mudou. Com uma simples conexão à Internet, ele pode ter acesso a diversas oportunidades, se cadastrar na plataforma da empresa leiloeira, se habilitar ao leilão, dar lances no lote escolhido e conseguir comprar seu imóvel – tudo com poucos cliques.

2 – Grande quantidade de opções

Graças à popularização dos leilões na Internet, os usuários passaram a ter à disposição uma grande quantidade de opções de casas, apartamentos, terrenos e imóveis comerciais, não apenas na cidade em que moram, mas em todo o país. Isso trouxe mais dinamismo para a busca de oportunidades e é ideal tanto para quem compra imóveis como fonte de investimento como também para aqueles que desejam o imóvel adquirindo o bem de forma rápida.

3 – Foco na experiência do consumidor

Os leilões se destacaram por apresentarem uma inovação importante ao setor imobiliário: o foco na experiência do consumidor. Atualmente, as plataformas online das empresas leiloeiras são desenhadas para atenderem as principais demandas dos interessados em qualquer tipo de imóvel. Ou seja, os filtros, o layout e até o caminho feito dentro do site são planejados para facilitar a navegação. Dessa forma, é possível filtrar as oportunidades em diferentes variáveis, além de receber alertas de ofertas no e-mail.

4 – Trabalho de pós-venda

Por muito tempo, a negociação no mercado imobiliário terminava com a assinatura do contrato de compra e venda – a partir daí, o comprador corria sozinho atrás da documentação necessária, do pagamento dos impostos e taxas e da transferência de nome na escritura. Os leilões, por sua vez, popularizaram o serviço de pós-venda. Após o arremate de um imóvel, uma equipe já entra em contato com a pessoa para informar os próximos passos e auxiliá-lo em todas as dúvidas que possam surgir.

5 – Transparência na comunicação

A equipe que trabalha nos canais online das empresas leiloeiras deve auxiliar e orientar as pessoas antes, durante e até depois da negociação ser concluída. Ou seja, a comunicação precisa ser transparente para expor todos os detalhes que envolvem esta modalidade de negociação, as informações referentes ao imóvel, as condições de pagamento e o próprio edital do leilão. A pessoa só dá prosseguimento ao negócio se tudo for esclarecido e não restar nenhuma dúvida.

*André Zukerman é diretor da Zukerman Leilões, empresa referência em leilões imobiliários.
www.zukerman.com.br/

Crédito: Divulgação
Fonte: NB Press

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar