Arquitetura

Arquitetura coorporativa: recepção se transforma em área de convivência

Espaço de 40 m² ganhou tom descontraído com paleta de cores vivas e design moderno

 

Segunda casa de muitos brasileiros, o ambiente de trabalho é capaz de interferir diretamente na saúde e qualidade de vida de seus funcionários. Em meio à rotina intensa, apostar em espaços que proporcionem momentos de descontração e integração entre a equipe favorece a produtividade individual e coletiva.

Nesse contexto, a arquiteta Ana Cristina Ávila recebeu o desafio de transformação de uma recepção sem uso – e sem vida – em um espaço de convivência para uma empresa de energia elétrica.  Especialista em cores, a profissional uniu qualidade ergonômica, visual e energética.

As cores laranja, azul e cinza compõem a paleta de cores do projeto, sendo as duas primeiras partes da identidade visual da empresa. Ainda assim, o significado encaixou perfeitamente: o laranja traz sabedoria e criatividade para os colaboradores, enquanto o azul remete à tranquilidade e faz parte das tendências de 2020. Já o cinza concreto funciona como base para o espaço, proporcionando elegância e suavidade à composição.

O mobiliário também é destaque no ambiente. As mesas Eames, da ATEC, formam um espaço clean e com personalidade. O banco sob a janela possibilita o uso do espaço por mais de um colaborar ao mesmo tempo. Além disso, os móveis planejados dão suporte para espaço com frigobar, pia, café e micro-ondas, atendendo os funcionários na hora do almoço ou naquela pausa durante o dia. Os pufes garantem um espaço descontraído sem deixar de lado a funcionalidade.

Crédito: Divulgação
Fonte: Prime Comunicação

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar